Biblioteca Graciliano Ramos

Sobre a Biblioteca

A Biblioteca Graciliano Ramos da ENAP tem como missão tratar e disseminar informações que contribuam para a consolidação do campo de conhecimento sobre administração pública, gestão governamental e políticas públicas.

 

Situada numa construção térrea com área de 425 m2, possui paredes envidraçadas voltadas para área verde, ambiente climatizado, amplo salão de leitura e estudo, acesso livre ao acervo, horário de funcionamento de segunda-feira à sexta-feira, das 9h às 21h e equipe de processamento técnico-administrativo composta por três bibliotecárias, um técnico-administrativo e dois auxiliares. É aberta à comunidade em geral, entretanto por ser uma unidade especializada, definiu como seu público-alvo os servidores públicos, alunos, professores e pesquisadores da ENAP.

 

A biblioteca é totalmente automatizada e utiliza como ferramenta o Sistema Koha Library System, especialmente desenvolvido para administração de coleções e serviços bibliotecários, o que significa, inclusive, a disponibilização de seus catálogos através da internet pelo endereço http://acervo.enap.gov.br.

 

Seu acervo especializado é utilizado, principalmente, como referência aos programas e cursos ministrados, com maior ênfase nos cursos de formação e pós-graduação. Atualmente, dispõe de cerca de 13.300 títulos de livros.

 

O acervo de periódicos impressos conta com aproximadamente 160 títulos nacionais e estrangeiros, é composto por periódicos técnico-científicos e acadêmicos em assuntos referentes à administração pública e gestão governamental. Contudo, atualmente somente são recebidos títulos impressos por meio de permuta, e é oferecido o acesso a assinatura de base de dados de livros e periódicos eletrônicos que contempla cerca de 5 mil títulos em várias áreas do conhecimento. A partir de abril de 2018, a biblioteca irá passar a dar acesso também ao Portal de Periódicos Capes. Assim, seus usuários cadastrados podem ter acesso a inúmeros periódicos e livros eletrônicos, em vários idiomas, por meio do menu Livros e Periódicos Eletrônicos.

 

Para manter a qualidade, atualização e atender novas demandas de seus usuários, a Biblioteca conta com a Comissão de Acervo Bibliográfico, integrante da estrutura de governança da Enap, com o objetivo de implementar a política de desenvolvimento e avaliação de seu acervo.

 

Adicionalmente, importa destacar outras bases de dados integrantes da Biblioteca Graciliano Ramos, a saber:

(i) o Repositório Institucional que organiza e disponibiliza a produção técnica e científica da Enap, segundo padrões internacionais para compartilhamento de informações em rede; (ii) a Casoteca de Gestão Pública que apresenta estudos de caso que objetivam, com seu relato de experiências no setor público, disseminar de aprendizagem organizacional; e (iii) o Banco de Práticas Inovadoras em Gestão Pública com conjunto das iniciativas das edições do Concurso Inovação em Gestão Pública Federal. Todas estas iniciativas são de livre acesso através do Portal da Biblioteca.

 

A biblioteca Graciliano Ramos também exerce importante função de divulgação de seu acervo a seu público-alvo, para isto desenvolveu e mantem com regularidade os seguintes serviços:

Boletim de Novas Aquisições; e Sumário de Periódicos: divulgação do conteúdo dos jornais e revistas assinados por meio de boletim mensal. Boletim de Bibliografias Especializadas: cada edição, a partir de um eixo temático, divulga as diversas publicações disponíveis em seu acervo. Exposições virtuais: divulgação de conteúdos de acordo com temas específicos, por meio do sistema Omeka. Artigos Selecionados: divulgação em formato de blog de artigos de revista, estudos de casos, podcasts e outros materiais de acordo com as temáticas de interesse para os seus usuários.

 

Por fim, por meio de sua equipe de servidores, são disponibilizadas outras atividades técnicas, tais como: levantamentos bibliográficos especializados, catalogação na fonte e indexação de todas as publicações editadas pela Escola; elaboração de índices anuais de autores e assuntos da Revista do Serviço Público; elaboração de referências bibliográficas e criação e atualização do vocabulário controlado.

Por que Graciliano Ramos?

O nome da Biblioteca da ENAP é uma homenagem ao escritor brasileiro Graciliano Ramos (1892-1953), reconhecido por sua obra literária e também por sua atuação como administrador público.