Biblioteca Graciliano Ramos

Artigos Selecionados

O mérito e a profissionalização no contexto cultural das administrações públicas ibero-americanas

Nesta semana, foi realizado na Enap o Seminário Internacional Profissionalização do Serviço Civil – trajetórias e desafios atuais nas experiências do Brasil, Uruguai, México, Portugal e Turquia. Para contextualizar a temática, seguem dois textos atuais e de acesso aberto.

Assista a integra do seminário pelo Youtube – clique aqui

 

Profissionalização da burocracia federal brasileira (1995-2014): avanços e dilemas

Pedro Cavalcante e Paulo Carvalho

RAP, v 51 n 1 2017

 

Link para o artigo

 

Resumo: O objetivo deste artigo é analisar o processo de profissionalização da burocracia brasileira no âmbito da administração pública federal. Nesse sentido, a pesquisa se propõe a responder quais seriam os avanços e dilemas persistentes no período democrático recente, entre 1995 e 2014. Após uma revisão de literatura da evolução histórica da burocracia federal, o trabalho discute dimensões centrais relativas à profissionalização do serviço público no país. Conclui-se que houve um conjunto amplo de avanços no que tange a recomposição e diversificação da força de trabalho, valorização pecuniária, aumento da qualificação, entre outros. Todavia, permanecem dilemas e desafios, sobretudo, no enfrentamento do fosso histórico entre carreiras e cargos na administração pública federal.

 

O mérito e a profissionalização no contexto cultural das administrações públicas ibero-americanas

João Abreu de Faria Bilhim

XXII CLAD 2017

Link de acesso 

 

Resumo: Introdução A imagem de Janus, o deus romano bifronte, divindade com poder sobre todos os começos, representado com uma face que olha o passado e outra que, voltada para o futuro, corresponde a uma adequada postura para compreender as Administrações Públicas ibero-americanas. O que estas administrações são hoje parece estar ligado a um debate sério que teve lugar no seculo XIX, abrangendo duas correntes europeias de pensamento, entre alemães e franceses, entre Heidelberg e Paris, ou, mais especificamente, entre uma cultura administrativa orgânica versus uma cultura mecânica da Administração Pública.

 

Se você achou o conteúdo interessante, compartilhe usando os botões das redes sociais, ou deixe um comentário abaixo.

Sugestões e recomendações são muito bem-vindas!

 

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

71 − = 70

Receba as novidades

Artigos selecionados

Artigos selecionados é um espaço que visa trazer conteúdos atualizados para os servidores públicos, facilitando o acesso a artigos recentes de importantes revistas nacionais e estrangeiras, inclusive em base de dados de acesso restrito assinadas pela Enap.